domingo, 26 de janeiro de 2014

Palavra Lançada

Quem já não ouviu a expressão “a palavra lançada não volta vazia”?

“Assim será a minha palavra que sair da minha boca; não voltará para mim vazia, mas fará o que me agrada e cumprirá com êxito o propósito da sua missão”. (Isaías 55:11)

Se somos imagem e semelhança do Senhor, assim como as palavras Dele, as nossas também não voltaram vazias.

“E disse Deus: Façamos o homem à nossa semelhança...”. (Gênesis  1:26)

Toda a palavra lançada não fica em oculto. E ela tem força para cumprir o seu propósito, seja ela uma palavra boa ou ruim.  
Começamos com palavras de derrota. Cada vez que diz que não irá conseguir, as chances de não conseguir aumentam muito. Cada vez que diz que não é capaz, a chance de ser incapaz aumenta mais.
As palavras depreciativas, a si próprio, o tornam assim como as pronuncia. Se disser que é feio, assim será. Se disser que tem mil e um defeitos, assim os terá.
As palavras de ofensa ao próximo podem deixar marcas profundas nele, mas haverá reflexos destas palavras em você.
O mal usa as suas próprias palavras de derrota, depreciativas e ofensa ao próximo, para te manter preso há um mundo de sofrimento. Ele não quer te ver vitorioso, mas o nosso “Pai” torce pela tua vitória.

Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar; (1 Pedro 5:8)

Mas graças a Deus que nos dá a vitória por nosso Senhor Jesus Cristo. (1 Coríntios 15:57)

Imagine a tristeza de um pai ao ouvir da sua própria criação palavras de desvalorização?
Ele deve dizer: Te fiz perfeito aos meus olhos. Como ousa dizer que tem defeitos e ficar dando ouvidos aos padrões humanos.  Sendo que fui eu que te criei.
Como ousa dizer que é incapaz, se eu te dei dons. Por que não os usa e não os valoriza?
Como ousa ofender o teu irmão, eu os fiz para serem um só corpo. Uma grande família.

Assim nós, que somos muitos, somos um só corpo em Cristo, mas individualmente somos membros uns dos outros.  (Romanos 12:5)

E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Não há outro mandamento maior do que estes. (Marcos 12:31)

Aquele que não difama com a sua língua, nem faz mal ao seu próximo, nem aceita nenhum opróbrio contra o seu próximo; (Salmos 15:3)

E o “Pai” continua dizendo: Entendo que te coloquei neste mundo. Um mundo cada vez mais difícil para aqueles que não crêem, mas se ouve a minha palavra, sabe que tudo o que pronuncia, eu ouço e me machuca. Por que te fiz em perfeição. A perfeição exata pra superar todos os obstáculos e aprender a confiar em mim.
Se te achar incapaz de algo. Peça pra mim que te capacitarei e descobrirá quais dons escolhi pra ti.  Se te achas diferentes dos outros, peça a minha ajuda e te ajudarei a entender os meus propósitos em sua vida. Ao pensar que não conseguirá vencer, peça pra mim, que te darei forças para alcançar a vitória. Se estiver a ponto de ofender alguém, peça pra mim e abrandarei teu coração.
Então a partir de hoje te proibido de lançar qualquer palavra de derrota, depreciação e ofensa a minha criação. E lhe digo o que deve fazer:

Porque todos podereis profetizar, uns depois dos outros; para que todos aprendam, e todos sejam consolados. (1 Coríntios 14:31)

O profeta que profetizar de paz, quando se cumprir a palavra desse profeta, será conhecido como aquele a quem o Senhor na verdade enviou. (Jeremias 28:9)

Portanto cada um de nós agrade ao seu próximo no que é bom para edificação. (Romanos 15:2)
O homem que lisonjeia o seu próximo arma uma rede aos seus passos. (Provérbios 29:5)
Lance palavras de vitória até em momentos que você julga impossível de haver. Lance palavras de amor, quando estiver prestes a perder o controle. Lance palavras de amor próprio quando se sentir com auto-estima baixa.
 Ama-se a si mesmo e ao próximo não somente porque digo que é a verdade do “Pai” e te fez com muito amor. Mas porque respeita e é grato àquele que lhe deu a vida.
Em nome de Jesus
Por &heila Correia


Nenhum comentário:

Postar um comentário